Amazoníze-se contra as queimadas e o extrativismo na floresta!

Agosto começa com o Dia da Pachamama, a Mãe-Terra.

Vamos celebrá-lo juntos e em resistência, enquanto o fogo consome a floresta, as colinas e campos, devorando lentamente o corpo das árvores, animais e comunidades. Centenas de vidas se perdem diante do avanço da Covid-19, dos incêndios e do extrativismo que destroem o planeta.

Os incêndios e o extrativismo (das minas, madeireiras, garimpos e petróleo) são alimentados pela cobiça, o egoísmo, a rapina, a soberba das corporações, o autoritarismo dos estados e empresas – e por todos os atores que promovem as queimadas para expoliação dos recursos da Amazônia. Não é o fogo, é o capitalismo.

Como grandes monstros de fogo, as indústrias frigoríficas, madeireiras, petroleiras, mineiras e de biopirataria desflorestam, reduzem a biodiversidade, matam fontes de água em nossos campos e florestas. Causam danos irreparáveis, que exigem séculos para alguma reparação.

As labaredas estão invadindo nossa casa. Não é possível mais dormir numa casa em chamas. Já não se pode mais andar, respirar e conviver numa Amazônia incendiada. O avanço do extrativismo esquenta o mundo, muda o clima e faz a humanidade sofrer em todos os rincões da Terra.

As memórias ancestrais das culturas amazônicas vivas, a voz do povo da Amazônia e do mundo se unem cm todas as forças para exigir: — Parem de queimas a nossa casa! A Amazônia é o lugar dos sonhos de nossas crianças, um dos pulmões com que a humanidade respira, o coração da vida planetária: — Exigimos que sejam investigados e penalizados os culpados pela destruição!

Nós nos levantaremo em cada aldeia, em cada vilarejo, em cada região. Nos mobilizamos para ganhar as ruas, a atenção e os corações do mundo.

De 14 a 28 de agosto estaremos juntas e juntos na Mobilização Mundial contra as queimadas e a destruição da Amazônia.

O QUE É POSSÍVEL FAZER:

Tuittaços, vigílias em frente de embaixadas, concertos, arte de rua, performances, webinares informativos, vídeos, ações para pressionar governos e parlamentos, mobilizações presenciais e virtuais e muito mais.

Visite nosso site para conhecer a agenda atualizada de atividades: https://asambleamundialamazonia.org/

“Amazonizar-se” é agir como uma organização mundial e gritar bem forte para que diversas vozes ecoem em defesa da Amazônia. Amazonizar-se é ser um só coração para a vida: existir e resistir contra o terricídio, o ecocídio e o etnocídio. Para denunciar aqueles que destróem as forças vivas do planeta.

AMAZÔNIA, NOSSA CASA, NOSSA MÃE

Vamos salvar o coração do planeta!

Amazoníze-se

Siga-nos em

Facebook: @asambleamazonica

Twitter:@asambleamazonia         

Instagram: @asamblea_mundial_amazonia

5 comentarios sobre “Amazoníze-se contra as queimadas e o extrativismo na floresta!

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: